Ambientes integrados ao redor do fogo. Muito além de uma lareira: design com valor simbólico.

0
151

Nossa evolução humana, principalmente da sociabilização, deve muito ao uso do fogo em nossas vidas. Passamos a nos reunir, confraternizar e a nos comunicar em torno dele. Além de nos auxiliar em tarefas como cozinhar, é com o fogo que celebramos, seja através de uma tocha olímpica, acendendo uma vela sobre a mesa ou em um bolo.
A escolha de uma lareira em um ambiente não é apenas para o aquecimento, até porque hoje outros equipamentos podem fazer isso, mas é um objeto de forte valor simbólico que permite nos lembrar que estamos aqui no mundo para sociabilizar com os outros e para celebrar a própria vida. Isso está em nossas origens, por este motivo gostamos de nos reunir em torno de uma fogueira. E é por isto, sim, que cabe uma lareira em um país tropical!

O exemplo que ilustra este artigo é um ambiente projetado pela designer de interiores Ana Lucia Pinto, que criou ambientes integrados, com linhas contemporâneas e traços simples, permitindo assim, o destaque à presença do ser humano.
Todos os ambientes, desde o gourmet ao living, propiciam o encontro e as conversas, e no centro: a lareira. Aparentemente discreta e acompanhando as mesmas linhas do mobiliário, a lareira faz toda a diferença. Ao contrário das lareiras antigas, grandes e com paredes que recebiam tantos enfeites que o fogo passava despercebido, o modelo atual é elegante e objetivamente se mostra e se apresenta. Por este motivo a contratação de um profissional da área é tão importante. Provavelmente, no início, todos possam pensar que essa lareira terá pouca utilidade, contudo, com o passar do tempo, verão que nas memórias dessa casa, os melhores momentos se passaram em torno do fogo.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário
Digite seu nome