Dia Mundial do Refugiado tem programação especial na BSP

0
892

Oficina Abayomi – Foto: Camila Rodrigues da Silva

A Biblioteca de São Paulo (BSP) traz atividades especiais e gratuitas em referência ao Dia Mundial do Refugiado, dia 21 de junho.

No dia 20 de junho, às 11h, será realizada a Oficina de bonecas Abayomi (bonecas que as mães criavam com tiras rasgadas de suas saias para seus filhos se distraírem na travessia em navios negreiros). E, às 16h, o grupo Jardim de Histórias participa da Hora do Conto, apresentando “A menina que abraça o vento”, de Fernanda Paragassu. Na sexta-feira, 21 de junho, às 16h30, o programa Leitura ao Pé do Ouvido, às 16h30, destaca trechos do livro “Relato de um cativo de guerra”, de Stratis Doukas.

Quem não perde um Domingo no Parque, no dia 23 de junho, das 11h30 às 12h15, a BSP oferece o programa Lê no Ninho e, das 12h15 às 16h, abrindo espaço para a leitura e as aventuras contadas pela Cia. Malas Portam. Lembrando que, em caso de chuva, as atividades são transferidas para dentro da biblioteca.

Confira a programação completa da BSP para os próximos dias:

Dia 20 de junho (quinta-feira)
11h às 14h – Oficina de Bonecas Abayomi – Para celebrar o Dia Mundial do Refugiado, aprenda a fazer uma releitura das bonecas abayomi, brinquedo que as mães criavam durante a travessia em navios negreiros, a partir de tiras rasgadas de suas saias, como forma de distrair os filhos na viagem. Com Renee Ross Londja e Lambert Shesa, integrante do Projeto Deslocamento Criativo. Indicado para crianças a partir de 10 anos. Vagas limitadas, preenchidas por ordem de chegada.

14h – Pontos MIS – Exibição do filme Quase samba (dir.: Ricardo Targino, drama, classificação indicativa: 16 anos). Em parceria com o Museu da Imagem e do Som (MIS).  Não é necessário fazer inscrição.

15h45 – Copa do Mundo de Futebol Feminino – Exibição do jogo Suécia x EUA. Não é necessário fazer inscrição.

16h – Hora do Conto – Programa permanente. A menina que abraça o vento, de Fernanda Paraguassu (em referência ao Dia Mundial do Refugiado). Com Jardim de Histórias. Não é necessário fazer inscrição.

Dia 21 de junho (sexta-feira)
15h – Hora do Conto – Programa permanente. A bruxa da ilha, recontado por Silvana Salerno. Com equipe BSP. Não é necessário fazer inscrição.

16h30 às 17h – Leitura ao Pé do Ouvido – Programa permanente. Relato de um cativo de guerra, de Stratis Doukas (em referência ao Dia Mundial do Refugiado). Com equipe BSP.

Dia 22 de junho (sábado)
10h às 11h30 – Compartilhando saberes: Yoga – Em ambiente aconchegante e inspirador você poderá desfrutar desta prática milenar, que promove o bem-estar e melhorias na qualidade de vida. Com Amanda Velloso. Vagas limitadas, preenchidas por ordem de chegada.

11h às 11h45 – Lê no Ninho – Programa permanente. Atividade de estímulo e iniciação à leitura para crianças entre 6 meses e 4 anos, realizada com livros lúdicos, tablet, contação de histórias e músicas. Pais e responsáveis podem, ao fim, emprestar os kits utilizados, com dois livrinhos e um fantoche, e reproduzir a experiência em casa. Com equipe BSP. Vagas limitadas, preenchidas por ordem de chegada.

11h às 13h – Jogos para Todos! – Programa permanente. Oficina de xadrez: Os participantes aprendem as regras, os movimentos das peças e algumas táticas do xadrez, além de disputar partidas. Pessoas com deficiência visual dispõem de tabuleiros adaptados. Com a FOX (Formação e Orientação de Xadrez). Vagas limitadas, preenchidas por ordem de chegada.

16h – Hora do Conto – Programa permanente. Escubidu, a boneca que sabe tudo, de Pierre Gripari. Com Paula Dugaich. Não é necessário fazer inscrição.

Dia 23 de junho (domingo)
11h30 às 16h – Domingo no Parque. Programa permanente.
11h30 às 12h15 – Sessões do programa Lê no Ninho, com equipe BSP.
12h15 às 16h – Espaço de leitura para toda a família com sessões de contação de histórias com a Cia. Malas Portam.
Em caso de chuva, a atividade será realizada dentro da Biblioteca.

14h30 às 16h30 – Sarau na BSP – Programa permanente. Literatura, canto e poesia. Com o Grupo de Poetas Cantores e Declamadores Independentes de São Paulo. Coordenação de Terezinha Rocha. Não é necessário fazer inscrição.

16h – Hora do Conto – Programa permanente. Entre a espada e a rosa, de Marina Colasanti. Com interpretação em Libras. Com o Grupo #BoraLê. Não é necessário fazer inscrição.

Serviço:
Biblioteca de São Paulo
Parque da Juventude Dom Paulo Evaristo Arns
Av. Cruzeiro do Sul, 2.630, Santana, São Paulo (SP)
Tel.: (11) 2089-0800.
Atividades gratuitas
https://bsp.org.br/

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário
Digite seu nome