E-social … sua empresa está preparada?

0
1070
Minimal workplace with notebook and copy space on pastel background. Top view. Flat lay.

O e-social é um projeto do Governo Federal onde vamos ter a unificação de todas as informações trabalhistas e previdenciárias em único arquivo. É como se fôssemos montar um grande banco de dados com as informações de cada colaborador dentro da empresa.
No e-social será obrigatório o envio de todas as informações da folha de pagamento, tanto dos funcionários quanto dos prestadores de serviços terceirizados e/ou autônomos.

O que governo quer fazer é o confronto entre as informações prestadas pelos tomadores de serviços quanto para os prestadores que está dentro do projeto SPED, mas agora relacionado com a folha de pagamento.
Hoje já temos o e-social doméstica, onde o empregador deve gerar a guia de recolhimento através do sistema, mas nessa nova etapa desde o microempreendedor, trabalhador rural e até às grandes empresas serão obrigadas a aderir esse projeto.
É de extrema importância que todas as empresas se qualifiquem e tenham ao seu lado profissionais que sejam capazes de auxiliar nessa implementação, ajudando com consultoria, dando um norte apontando os pontos principais para a empresa.

E importante lembrar que buscar profissionais qualificados no mercado, pois o e-social e a confissão do que você faz dentro da empresa na sua folha de pagamento de forma online.
Hoje essa fiscalização é feita pelo Ministério do Trabalho, mas como não conseguem fiscalizar todas as empresas, eles fizeram um sistema para que a mesma aconteça de forma automática.
O empresário deve entender a importância de se ter pessoas qualificadas para o envio dessas informações, pois as informações nascem dentro da empresa e se as mesmas não forem passadas de forma correta estarão sujeitos a penalizações.
O escritório contábil é a ferramenta para o envio dos eventos, mas se os mesmos não forem apresentados com dados completos de nada adiantará, pois a responsabilidade pela apresentação correta dessas informações continua sendo da própria empresa. Pois existem prazos para envio das informações, e se elas não forem enviadas antes do prazo expirar, multas cairão sobre o seu CNPJ, e se essa comunicação não estiver bem alinhada com seu contador problemas podem surgir.

O primeiro passo para se adequar é conhecer como está sendo feito esse processo dentro da empresa, e quais os pontos deverão mudar para que atendam o tempo hábil para a prestação das informações.
Uma forma bem eficaz de qualificação e a participação em palestras sobre o assunto, conversar com consultorias e sem esquecer do seu ´´contador´´.
Não deixe para a última hora, pois as multas que podem ser aplicadas podem chegar a valores bem elevados, e empresas sem movimento também estão obrigadas ao envio de informações pertinentes ao sistema.

Até a próxima …

KÁTIA ANASTÁCIO DA SILVA
CONTADORA ( CRC-SP – 1SP326277/O-3 )
Office Price Contabilidade
(11) 99702-9271 / 97212-4834 – contato@officepricecontabilidade.com.br

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário
Digite seu nome