Qual é a base ideal para cada subtom de pele?

0
1216

Na hora de escolher uma base para a maquiagem é fundamental levar em consideração que existe uma gama de tons e subtons na pele que estão diretamente ligados à luminosidade, ou seja, existem três tons básicos, o claro, o médio e o escuro com uma variação infinita de cores dentro de cada um deles.

Segundo a maquiadora Tati Piñon, descobrir o tom da pele é uma tarefa fácil, porém, na hora de definir o subtom, há necessidade de mais cuidado. O subtom representa a cor de fundo da pele, enquanto o tom refere-se a sua cor de predominância. “Com a identificação do subtom a pessoa terá maior harmonização das suas feições e valorização das características pessoais, seja na escolha da cor da base, dos cabelos e das roupas”, explica a profissional.

Ela explica que a nossa pele possui três subtons, o frio, o neutro e o quente que vão definir qual a cor ideal da base a ser aplicada. “O subtom frio é o que tem aparência de pele com um leve rosado ao fundo. O neutro é aquele que tem uma aparência nem rosada nem amarelada e o quente é já apresenta um leve tom dourado ou amarelado”, afirma.

Para os maquiadores é fácil identificar o subtom por terem estudado visagismo e devido a prática, mas, para quem não tem essa experiência, a melhor forma é observar da coloração das veias do pulso. “Pessoas com subtom frio têm as veias de cor arroxeada ou azulada. As de subtom neutro possuem as veias de cor verde-azulada e as de subtom quente, veias esverdeadas”, explica.

Para não comprar uma base que fica ou muito rosada ou amarelada, é importante a pessoa solicitar ao vendedor da loja uma base que seja no seu subtom para não errar mais.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário
Digite seu nome