TAM recebe três apresentações do espetáculo de dança “Anonimato”

0
700


Fotos: Divulgação

O Teatro Alfredo Mesquita (TAM), recebe nos dia 29 e 30 de novembro e 1 de dezembro, o espetáculo de dança negra “Anonimato – Orikis aos Mitos Pessoais Desaparecidos”.

Com direção geral e musical de João Nascimento, direção coreográfica de Firmino Pitanga, o espetáculo tem em seu elenco: Terená Kanouté, Luciano Virgílio, Thiago Bilieri, Huiris Brasil, Tiago Ferraz, Tito Nascimento, Tamiris Zaco, Daniel Pretho, Afroju Rodrigues, Lucas Henrique, Bira Nascimento, Pedro Henrique, Jotabê Arantes, Spike, Rafael Mansor, Nicolly Santos, Thais Dias e João Nascimento.

O espetáculo de dança negra revela situações do cotidiano brasileiro, bem como, aspectos ligados ao soterramento e aniquilamento das memórias negras no seio de uma sociedade eurocentrada, marcada por um histórico secular racista e colonialista, que violenta pessoas e tradições culturais de matrizes africanas, indígenas e periféricas. De maneira poética (não dissociada a política, como discurso libertário), a obra aborda o genocídio etnico-cultural e suas consequências na vida social urbana, a invisibilização de mestras e mestres da cultura popular abandonados a solidão.
Traçando um paralelo simbólico com os rituais de axexê, suas relações com eguns, orixás e nkisis que estão fortemente associados a morte, bem como ao renascimento e outros desdobramentos, a Cia Treme Terra aprofunda sua pesquisa mitológica partindo das tradições bantu e yoruba no Brasil, estudos de movimentações para um corpo que dança e reverbera sons percussivos e vocais, dando origem as re-criações cênicas inspiradas (de maneira não literal) em histórias recolhidas de importantes personagens da cultura negra e periférica.

Serviço:
Data: dias 29 e 30/11 e 01/12
Horário: Sexta e sábado, às 21h e domingo, às 19h.
Gratuito
Faixa ou indicação etária: 10 anos
Teatro Alfredo Mesquita
Av. Santos Dumont, 1.770 – Santana
Telefone: (11) 2221-3657

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Digite seu comentário
Digite seu nome