MODA

Saiba como fazer o tie dye

No post de hoje você vai aprender como fazer tie dye. Esta técnica famosa permite a customização de roupas de um jeito simples e muito bacana. Ela está muito em alta, e é perfeita pra recuperar aquela peça que perdeu a graça.
E não se engane! Apesar de ser mais comum vermos em camisas, várias peças podem ser feitas desta forma, como moletons, calças, shorts e até mesmo meias.
A princípio vamos ensinar como funciona o processo básico com camisas, e depois apresentaremos alguns modelos para inspirar suas produções.
Hora de pegar aquela roupa que ficou sem graça e dar uma renovada revigorante nela.

Tie Dye em Camiseta: Passo a Passo

1 – Escolha a peça ideal
As camisetas que melhor se adaptam ao tie dye são as que são 100% algodão. Porém, você também pode usar camisetas 50% algodão/ 50% poliéster. No segundo caso as cores não ficarão tão vibrantes. De todo modo, a pintura funciona melhor com tecidos naturais.

2 – Escolhendo a tintura
A tintura ideal é a Acrilex. O único procedimento necessário é diluir em água: ⅓ de água para ⅔ de tinta.


Foto: Instructables

3 – Utensílios necessários
Além da tinta que mencionamos no passo anterior você precisará de:
Luvas de borracha,
Elásticos,
Garrafas de aperto para a tintura,
Saco plástico,
Um cabo (tipo de vassoura ou rodo, por exemplo)
Prato
Papel toalha


Foto: Instructables

4 – Preparando a tinta
Dilua a tinta Acrilex. Como mencionamos anteriormente, use ⅓ de água para ⅔ de tinta.


Foto: Instructables

5 – Prepare a camiseta
O primeiro preparo da camiseta é umedecendo.
Depois torcendo a camisa. mas não do jeito que você deve estar imaginando. Use o cabo e centralize-o na camiseta umedecida. Vá girando o cabo e torcendo até que ela vire algo parecido com uma torta. O lado da camiseta que ficar para baixo, isto é, em contato com a mesa terá as cores mais nítidas e bem definidas nele.


Foto: Instructables

6 – Camiseta torcida
Ao torcer, não deixe que ela suba ao longo do cabo e nivele-a com as mãos sem girá-lo mais. Agora é a etapa que antecede a colocação dos elásticos e uma das mais cruciais para os bons resultados. Retire o cabo com cuidado, sem permitir que a camiseta mude de forma, ou o padrão será comprometido.


Foto: Instructables

7 – Coloque os elásticos
Com sua “torta” pronta, comece a colocar os elásticos, sempre com cuidado para evitar que o efeito seja deformado. Vire e coloque mais para manter o formato fixo. Tente manter o formato o mais plano possível.


Foto: Instructables

8 – Cuidados antes de pintar
Cubra a superfície que usar de apoio para evitar o trabalho de limpar a tinta dela depois. Plástico é uma boa escolha. Colocar a peça num prato com papel toalha irá facilitar muito na hora de virar para pintar o outro lado.
Claro, pense que provavelmente vai espirrar tinta em você e nas roupas que estiver usando. Então, se vista com roupas que podem ser acidentalmente pintadas. Use luvas, pois a mistura nas mãos dificultará a limpeza delas depois.


Foto: Instructables

9 – Hora de tingir
Escolha a graduação de cores que preferir e comece pelas mais claras. Colorir em “fatias” para dar o efeito de arco-íris.
Não jogue a tinta aleatoriamente ou só resultará numa enorme bagunça. Faça a graduação dividindo e o resultado será melhor.


Foto: Instructables

10 – Vire a camiseta
Vire e repita o mesmo processo. Use as mesmas cores que usou do outro lado e na mesma posição se quiser um efeito uniforme dos dois lados da peça. Caso contrário, o efeito será algo parecido com uma teia de aranha, o que também é uma opção.


Foto: Instructables

11 – Espere secar
Após finalizar o tingimento, coloque-a num plástico que você possa selar bem. Deixe em um lugar quente e deixe secando por no mínimo 24 horas. É importante o tempo para que o tecido absorva bem a tinta. Antes de “desempacotar”, volte a colocar as luvas para o próximo passo.


Foto: Instructables

12 – Toques finais
Hora de descobrir o resultado. Desempacote a camiseta e descubra sua criação! Será necessário deixá-la em água fria corrente. Você pode fazer isso antes ou depois de tirar os elásticos. Muita tinta vai parecer sair na água, mas é normal. Se deu certinho você verá o padrão da sua camiseta em toda sua glória!

Dica: No último enxágue, coloque um pouco de sal na água. Ajuda a fixar a cor e para de desbotar.


Foto: Instructables

Posteriormente você pode lavar na máquina mesmo, sem problemas. Porém lave-a individualmente duas ou três vezes antes de incluí-la na lavagem de roupas comuns.

Fácil, não é mesmo? E o resultado é uma peça linda e cheia de vida. E esse efeito não se restringe apenas à espiral. Por isso, separamos alguns exemplos para você ver como fazer tie dye de outros jeitos.

Diferentes Modelos de Tie Dye
Para diferentes resultados, o que será determinante é o modo como você amarra a roupa antes de pintar. Experimente diferentes técnicas além da espiral que ensinamos no passo a passo e resultados incríveis podem ser alcançados. Veja alguns exemplos.

 Efeito de Mármore – Este dispensa o cabo, sendo um método bem simples. Apenas embole a peça e prenda com os elásticos.


Foto: Gearfrost

Efeito Arco-íris – O arco-íris em degradê é bem simples e como você pode ver é aplicável em jeans. Você precisará apenas de uma esponja. Molhe ela no corante e passe sobre a roupa.


Foto: Crafty Chica

Efeito Listras – Como você deve ter percebido, o elástico impede o corante de pegar em algumas partes. Use isso em seu favor para criar os desenhos como preferir.


Foto: Urban Outfitters

Efeito Acid Jeans – Este muito se assimila com o embolado do efeito de mármore. Neste caso, porém, vá amarrando na medida em que embola. Funciona bem com calças, jaquetas… qualquer jeans, de um modo geral.


Foto: Modesens

Gostou de aprender como fazer tie dye? Esta técnica simples de amarrar e tingir é muito bacana, afinal possibilita várias maneiras de customizar.

Fonte: Revista Artesanato

Deixe uma resposta